Quinta-Feira, 29 de maio de 2024
Justiça no Interior

100% dos inquéritos que tramitam no Ministério Público da Bahia estão digitalizados

Foto: Reprodução/MPBA

Desde a terça-feira, dia 9, todos os inquéritos policiais encaminhados ao Ministério Público estadual passaram a tramitar na instituição de maneira 100% digital. A última etapa de implantação do Módulo Policial do sistema interno de informações do MP (IDEA) entrou em vigor nas comarcas de Salvador e região metropolitana, pondo fim ao recebimento e à tramitação de inquéritos policiais em meio físico em todas as Promotorias de Justiça do Estado da Bahia. 

De acordo com o  coordenador do Centro de Apoio Operacional Criminal (Caocrim), promotor de Justiça André Lavigne, “esta última etapa representa  um enorme avanço institucional e mais um passo importantíssimo na diretriz de modernização e de informatização dos processos e procedimentos internos, que vem sendo empreendida desde o início da atual gestão”. 

A tramitação eletrônica dos expedientes policiais entre as instituições que compõem o Sistema de Justiça assegura uma maior agilidade e eficiência à atividade finalística, o que, de acordo com o coordenador do Caocrim, possibilita um melhor aproveitamento do quadro de pessoal e a prestação de um serviço de maior qualidade à população. 

A percepção é compartilhada pelo coordenador da Cogi, promotor de Justiça Fabrício Patury. “A gestão do MP estabeleceu entre suas prioridades a área de TI, com intuito de conduzir a instituição para o pensamento digital de uma nova sociedade 4.0, mudando seu paradigma”, afirmou Patury, acrescentando que a tramitação dos inquéritos policiais de forma 100% digital “é de extrema importância para a consolidação do projeto Digitalize-se”.

As informações são do Ministério Público da Bahia


COMPARTILHAR