Quarta-Feira, 22 de maio de 2024
Justiça no Interior

Uruçuca: Homem é condenado a 13 anos de prisão por homicídio qualificado

 Foto:divulgação

O crime ocorrido em 23 de janeiro de 2021 teve como motivação o ciúme

Na última quarta-feira, dia 9, o Tribunal do Júri de Uruçuca emitiu sua sentença condenatória contra Fagner Novais dos Santos, impondo-lhe uma pena de 13 anos de prisão pelo homicídio qualificado de Wellington Almeida Pires. A promotora de Justiça Ivelinne Noemi Silva Porto Staut fundamentou a qualificação do crime por motivo torpe e emboscada, resultando na determinação da prisão preventiva do réu.  Fagner tem direito a recorrer da decisão, mas a pena inicialmente será cumprida em regime fechado.

O crime, ocorrido em 23 de janeiro de 2021, teve como motivação o ciúme de Santos, que ao descobrir mensagens enviadas pela vítima ao celular de sua esposa, planejou uma emboscada.

Segundo a denúncia apresentada pelo promotor de Justiça Pedro Nogueira Coelho, Fagner se passou por sua esposa em uma troca de mensagens com Pires, marcando um encontro. Auxiliado por seu irmão, Wallas Santos Nogueira, o réu armou o ataque, surpreendendo a vítima em via pública às 3h da madrugada, desferindo-lhe golpes fatais de faca e facão.

Atualmente, Wallas Santos Nogueira é considerado foragido da Justiça, com um mandado de prisão em aberto. O desdobramento deste caso permanece sob investigação e o desfecho definitivo aguarda o desfecho das buscas pelo irmão do condenado.

Com informações do Ministério Público do Estado da Bahia


COMPARTILHAR